Ações

As ações são papéis que representam uma pequena parte do capital social de uma empresa. São como pequenas parcelas da mesma, que se compram e vendem na bolsa de valores.

As ações têm preços que variam constantemente, consoante a situação financeira da empresa, a situação económica do país e o comportamento dos investidores, entre muitas outras variáveis.

Ao comprar uma ação, o investidor automaticamente torna-se sócio da empresa que emitiu essa ação. Passa então a correr os riscos dos negócios junto com a empresa e tem uma participação objetiva nos lucros e prejuízos da mesma.

Todas as ações possuem um código. Esse código é formado por quatro letras que representam o nome da empresa e um número que representa o tipo da ação.

Existem dois tipos de ações: ordinárias (ON) e preferenciais (PN). Quem possui o primeiro tipo, representado pelo número 3, pode votar nas assembleias das empresas para além de participar nos lucros e prejuízos. Quanto às ações PN, representadas pelo número 4, não permitem votar, mas quem as possui recebe os lucros em primeiro lugar e também a compensação em caso de falência da empresa.

Existem também as preferenciais Classe A e Classe B. As primeiras têm o número 5 e as segundas o número 6. Existe também um tipo especial de ação chamada UNIT. Representadas pelo número 11, são ações de tipos diferentes que são colocadas em conjunto para serem negociadas através do mesmo código.

Existem atualmente muitos particulares que têm quase todo o seu dinheiro em ações. Tratam-se portanto de fortunas variáveis. Quem tem muitas ações está sempre com um pé na falência e outro pé numa grande fortuna. Por isso mesmo, é importante ter ações em várias empresas, porque muitas numa só empresa é um risco tremendo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *